procurar

01. SALIVA ARTIFICIAL COM PRÓPOLIS A 8% 50ML SPRAY

01. Saliva Artificial Com Própolis a 8% 50ml Spray R$ 28,00
ou em até 6 x no cartão de crédito sem juros
* parcela mínima de R$ 20,00

 
 
Quant.: Comprar

Saliva Artificial Com Própolis a 8%

Desenvolvida pelo Pesquisador, cirurgião Dentista Bucomaxilofacial e Gerontólogo Eder Huttner (PhD) e equipe. Ao desenvolver sua tese de Doutorado sobre Câncer Bucal e atendimento a pacientes Idosos no Instituto de Geriatra da PUCRS, viu a necessidade de um lubrificante bucal associado a um antimicrobiano Bucal Natural. Com fórmula Inovadora em nível Mundial, a Saliva com Própolis foi desenvolvida para minimizar a Sofrência de idosos que usam muitos medicamentos e tem o efeito colateral da boca seca.  A Apis Saliva atua na atenuação dos sintomas da Boca Seca, mantendo a mucosa bucal umidificada e evitando infecções bucais pela ação própolis.

Xerostomia (Boca Seca) A xerostomia (do grego xero, seco, e stoma, boca) é a sensação de boca seca, devida a uma diminuição quantitativa do fluxo salivar em repouso (FSR), quando este baixa para menos de 50% ou de uma alteração da composição da saliva com perda de mucina e consequente diminuição da capacidade de lubrificação bucal(1).

O diagnóstico clínico qualitativo de xerostomia faz-se através da observação de sinais clínicos: a não acumulação de saliva no pavimento da boca, os lábios secos, a textura alterada (saliva branca, espumosa, fibrosa ou pegajosa), a recorrência de candidíase oral, a glossiteatrófica, a persistência de cáries dentárias, as erosões ou abrasões dentárias, a dor crônica ou ardência, o mau sabor e a dificuldade em falar e deglutir, e a sensação de areia nos dentes. São suficientes quatro destes sintomas para presunção de xerostomia.(2)

Própolis A palavra própolis de origem inteiramente grega, resultante da junção da palavra “pró”, que significa “em favor de” ou “em defesa de” e a palavra “polis”, que significa “cidade”. Portanto, segundo essa versão, Própolis significa “a defesa da cidade”, compreendendo que a colméia é uma cidade das abelhas. Nos tempos modernos, descobriu-se que ele tem uma ampla gama de atividades biológicas, incluindo antibacteriana, antiviral, fungicida, antiinflamatória, antioxidante, hepatoprotetora, sequestradora de radicais livres, imunomoduladora, antidiabética, anestésica local, radioprotetora e tumoricida. ou anticancerígeno (3).

No odontologia a Própolis tem ação:
- Ação antimicrobiana inibindo a formação de placa bacteriana (4,5)
- Ação antimicrobiana inibindo bactérias da doença periodontal (6,7,8,9)
- Ação preventiva sobre a mucosite induzida por quimio e radioterapia (10,11)
- Ação antifúngica (candidíase) (12)

Doenças que causam Xerostomia
- Desidratação;
- Tabagismo;
- Diabetes;
- Respiração pela boca;
- Má higiene bucal
- Radioterapia;
- Síndrome de Sjogren.

Medicamentos que causam Xerostomia
- Antialérgicos de primeira geração (dexclorofeniramina e hidroxizina);
- Remédios contra náuseas (prometazina e dimenidrinato);
- Antidepressivos tricíclicos (amitriptilina e nortriptilia);
- Antipsicóticos (haloperidol e clozapina)
- Broncodilatadores (salbutamol e salmeterol);
- Descongestionantes nasais (fenilefrina e efedrina);
- Moderadores de apetite;
- Anti-hipertensivos;
- Diuréticos;
- Sedativos;
- Antispasmódicos;
- lítio;
- Omeprazol.


Tratamento da xerostomia

O tratamanto consiste em identificar a causa. Usar estimulantes e lubrificantes bucais

Validade: 3 meses

Conteúdo: 1 Frasco com 50ml

Usar 3 x ao dia, principalmente pela noite antes de dormir e ao acordar, ou conforme orientação de seu médico.

1. Evite a auto-medicação, procure orientação de um profissional habilitado.
2. Em casos de hipersensibilidade, não utilize o produto.
3. Não utilize medicamentos vencidos.
4. Mantenha o medicamento ao abrigo da luz, calor e umidade.
5. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.
6. Este medicamento não deve ser utilizado na gravidez ou lactação sem orientação médica.
7. Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica.

1. Brennan MT, Shariff G, Lockhart PB, Fox PC. Treatment of xerostomia: a systemic review of therapeutic trials. The Dental Clinics of North America 2002;46:847-856.
2. Ship JA, Fox PC, Boum BJ. How to mutch saliva is enough to normal function defined. JADA 1991;122:63-9.
3. Kuropatnicki AK, Szliszka E, Krol W. Historical aspects of propolis research in modern times. Evid Based Compl Alternative Med. 2013;2013:964.
4. Santiago KB et m al Microbiological control and antibacterial action of a propolis-containing mouthwash and control of dental plaque in humans. Nat Prod Res. 2018 Jun;32(12):1441-1445.
5. Gomez RT, Teixeira KR, Cortes ME, Santos VR. Antimicrobial Activity of a propolis adhesive formulation on different oral pathogens. Braz J Oral Sci. 2007;6:1387–91.
6. Elaine Gebara, Luiz Lima, Marci Mayer. Propolis antimicrobial activity against periodontopathic bacteria. Braz J Microbiol. 2002;33:365-69.
7. Inui et al Identification of the phenolic compounds contributing to antibacterial activity in ethanol extracts of brazilian red propolis. Nat Prod Res. 2014;28:1293-6.
8.  Deswal H, Singh Y, Grover HS, Bhardwaj A. Healing effect of propolis in medicine and dentistry: A review. Innovare Journal of Ayurvedic Sciences. 2016:1-4.
9. Shabbir A1, Rashid M2, Tipu HN Cureus. Propolis, A Hope for the Future in Treating Resistant Periodontal Pathogens. 2016 Jul 12;8(7):e682
10. AkhavanKarbassi MH1, Yazdi MF, Ahadian H, SadrAbad MJ. Randomized DoubleBlind PlaceboControlled Trial of Propolis for Oral Mucositis in Patients Receiving Chemotherapy for Head and Neck Cancer. Asian Pac J Cancer Prev. 2016;17(7):3611-4.
11. AkhavanKarbassi MH, Yazdi MF, Ahadian H, SadrAbad MJ. Randomized DoubleBlind Placebo Controlled Trial of Propolis for Oral Mucositis in Patients Receiving Chemotherapy for Head and Neck Cancer. Asian Pac J Cancer Prev. 2016;17(7):3611-4.
12. Gisela de M. S. Pina, Erica N. Lia, Andresa A. Berretta, et al., "Efficacy of Propolis on the Denture Stomatitis Treatment in Older Adults: A Multicentric Randomized Trial," Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine, vol. 2017, Article ID 8971746, 9 pages




CONTATOS
 (51) 3248-2367
 (51) 99568-2438



PLENNA FARMÁCIA DE MANIPULAÇÃO
Razão Social: Farmácia Atelier de Saúde LTDA
CNPJ: 04.459.696/0001-70
Av Eduardo Prado 1784 - Porto Alegre/RS - Cep: 91751-000
Autorizações ANVISA:
AFE: 0.41.771-0 AE: 1.35.989-1
Cadastro no CRF/RS: 14803
Alvará Municipal: 03426840
Alvará de Saúde: 1991

OS MEDICAMENTOS SOB PRESCRIÇÃO SÓ SERÃO ENTREGUES MEDIANTE APRESENTAÇÃO DA RECEITA OU ENVIO POR FAX / E-MAIL